Daily Archives: 06/11/2014

QC, 100% Syrah, Quinta da Caldeirinha, Beira Interior, 2009

caldeirinha_garrafa

Desenganem-se aqueles que pensam que os grandes Syrah portugueses obrigatoriamente estariam para lá ou para cá do Tejo. Este Syrah Quinta da Caldeirinha 2009 está bem longe do grande rio do sul pois provém das terras altas da Beira Interior, do parque natural do Douro Internacional!

Primeira safra de Syrah desta quinta localizada nos confins do mundo, onde nem o Google Maps a reconhece, e por vezes nem  o contacto por telemóvel é possível, tão remota é a sua localização no Douro superior…

IMG_3937

Aroma a amora e compota. Vinho com cor granada, bem estruturado e equilibrado”. Saiu um Syrah com um teor alcoólico de 13,5%, aromático, denso e complexo no sabor. Uma bebida superior! E quem é que fez este néctar? Foi feito a seis mãos. Jorge Roda o produtor, Aida Roda a responsável pela vinha e finalmente Jenny Silva, mestre em Enologia!

IMG_1762

Uma característica muito peculiar desde Syrah é que se trata dum vinho biológico, o que significa que é isento de pesticidas e químicos. Por lei o ácido sórbico e a dessulfuração não são autorizados e o teor de sulfitos no vinho biológico tem de ser inferior, no mínimo, em 30-50 mg por litro ao do seu equivalente convencional.

A primeira safra deu um total de 2200 garrafas e já está quase no final, mas a boa notícia é que está em preparação a segunda, neste momento a estagiar nas barricas de madeira, a sair lá para os fins da primavera de 2015. Quando sair terá a menção do ano de 2011.

L1030806

Em tudo na vida há um senão. E o senão aqui é que se trata de um Syrah relativamente difícil de encontrar. Quem vive em Lisboa e nos arredores pode adquiri-lo na casa Stevia, que fica localizada em Benfica na Rua José da Purificação Chaves, nº 2 – A, e que vende produtos de agricultura biológica e onde se encontra o nosso Syrah assim como outros vinhos da Quinta, e também nos Supermercados de produtos biológicos BRIO, com várias lojas na zona da grande Lisboa.

Durante a sua apreciação, veio-nos à memória Emile Peynaud: “Aos amantes do vinho. Vocês são o elo mais importante da corrente. Se há maus vinhos, é porque há maus bebedores. Cabe ao consumidor desencorajar os produtores de vinhos ruins.” Nada mais certo! E no caso do Syrah da Quinta da Caldeirinha esta verdade tem ainda mais consistência. Trata-se de um grande Syrah!!!

Classificação: 19/20                            Preço: 15,79€

ficha