CEM REIS, Herdade da Maroteira, 100% Syrah, Alentejo, 2014

garrafa_principal_2014

Há um ano e três meses, quando falamos aqui do Cem Reis de 2012, dissemos o seguinte:
”O CEM REIS Syrah congrega em si dois aspectos que, como consumidores apaixonados pela casta, muito prezamos. Em primeiro lugar porque se trata de um Syrah de qualidade superior. Em segundo, e ao contrário do que é habitual, a maior parte da produção fica e é consumida em Portugal.”

E o dito continua a ser verdade!
Mais: tem um maior significado porque neste espaço de tempo houve vários Syrah que foram descontinuados, logo a permanência deste Syrah é preciosa devido à sua longevidade – a primeira colheita é de 2005 – e por outro lado trata-se de um Syrah topo de gama! Não se assustem com o preço! Este vinho vale todos os euros que custa!
95% da toda a produção é efectivamente para o mercado interno e somente os restantes 5% é que vão para o mercado externo. Os países são a Holanda, a Alemanha e a Suíça na Europa. Fora da Europa o Brasil e também Macau.

Produzido na região alentejana, na terra mítica do distrito de Évora, e vinificado a partir das melhores uvas de casta Syrah, este vinho estagiou 9 meses em barricas de carvalho francês (70%) e em carvalho americano (30%). Tem uma graduação alcoólica de 15%. De cor violeta concentrada, notas quentes e intensas a frutos pretos maduros e especiarias. Encorpado, acidez equilibrada e com taninos bem presentes e redondos no final. Excelente acompanhamento de pratos de caça, borrego e carnes vermelhas, entre outras. Deverá ser servido a uma temperatura entre os 17º/18ºC.

O enólogo responsável é, como não podia deixar de ser, uma vez mais e sempre António Maçanita. O clima que dá origem a este Syrah é típico do mediterrâneo continental ou seja, dias quentes e secos, com noites muito frias. Os solos como já é habitual para a nossa casta são muito pobres de origem xistosa ou granítica.

cem_reis_herdade

A Herdade da Maroteira está localizada no recanto da Serra D´Ossa, a 20km de Estremoz e a 35km de Évora. É uma das propriedades agrícolas pertencente a uma das famílias Anglo-Portuguesa estabelecidas na Região do Alentejo, há mais de cinco gerações. Abrangendo uma área de 540 hectares, dedica-se à preservação do montado de sobro e azinho, ao turismo, através de três unidades de alojamento, e à vitivinicultura.

No que diz respeito a este 100 Reis de 2014 somos ainda de o valorizar mais que os de 2013 e 2012. Mas as diferenças são mínimas! Mas se calhar com a nossa especialização no palato somos mais exigentes e como tal essa diferença tem que ser mostrada na classificação final.
Os marotos da Maroteira continuam em alta, os nossos parabéns!

Fernando Pessoa escreveu e poderia eventualmente ter cantado
“Não falte trigo p’ra semente.
Remédio ao doente,
nem Syrah à gente!”
Esse Syrah pode perfeitamente ser o 100 Reis desde ano, e de todos os anos!

 

Classificação: 19/20                                           Preço: 18,95€

ft_cem_reis_2014


 

Leave a Reply