Daily Archives: 12/04/2017

Prova Cega – Syrah Português contra Syrah Francês – resultado final!

Pois foi, não aconteceu exactamente o que esperávamos. O primeiro lugar nesta prova não pertence a um Syrah feito em Portugal.  Mas entre os dez primeiros, cinco são portugueses. E a seguir ao primeiro, os quatro seguintes são portugueses!
Estamos muito orgulhosos da nossa prestação. Porque verdade seja dita, e confirmada aqui, os Syrah franceses também são muito bons.

É assim com grande emoção que o Blogue do Syrah divulga os resultados  da Prova Cega de Syrah português versus Syrah Francês!

Uma grande prova com um naipe de jurados que criaram mais valia e com um resultado que valendo o que vale acaba no conjunto por mostrar que os Syrah portugueses vieram para ficar e para conquistar: conquistar os enólogos, os produtores, os enófilos, ao grupo dos quais pertencemos, e o público em geral.

Como tínhamos previsto o embate foi taco a taco, renhido e disputado. Para evitar erros as contas foram feitas e refeitas e hoje estamos em condições de apresentar o top ten!

Os 13 jurados, representando um vasto leque de sensibilidades, com a preciosa e indispensável ajuda do idóneo e respeitado grupo Cegos por Provas, pontuou cada um dos 20 Syrah presentes de 0 a 20, incluindo meios pontos.

E agora, sem mais demoras revelamos que o grande vencedor da prova é:

Côte Blonde “La Chatillone”, Vidal Fleury
com 5% de Viognier, 2009!

 

Nos lugares seguintes temos quatro Syrah portugueses, como já tínhamos dito, a uma distância curtíssima do vencedor, e são eles
Monte do João Martins, Miraldino Filipe Mendes & Cª Lda, 2012
Incógnito, Cortes de Cima, 2012
Mil Réis, Herdade da Maroteira, 2013
Crasto Superior Syrah, Quinta da Crasto, com 3% de Viognier, 2013

Segue a lista final e a  ficha técnica dos premiados e respectivas classificações para memória futura.


1º lugar

Côte Blonde “La Chatillone”, 2009


2º lugar

Monte do João Martins, 2012


3º lugar

Cortes de Cima, Incógnito, 2012


4º lugar

Herdade da Maroteira, 1000 Réis, 2013


5º lugar

Crasto Superior, 2013


6º lugar

Saint -Joseph, 2011


7º lugar

Quinta do Monte d’Oiro, Reserva, 2012


8º lugar

Brézème, 2011


9º lugar

Saint -Joseph, 2014


10º lugar

Les Machonnieres, 2011



Os restantes Syrah, igualmente presentes na Prova, ficam aqui listados por ordem aleatória.

Um louvor agradecido também para eles!

Como sempre, partam por aí em demanda deles todos. Algumas das garrafas terão um preço menos acessível, mas valem cada centavo que custam… não se vão arrepender!