Quinta dos Plátanos, 100% Syrah, Lisboa, 2013

Foi já na distante data de Abril de 2016 que falamos sobre este Syrah pela primeira vez! Da Quinta dos Plátanos da aldeia de Merceana, Alenquer e do ano de 2013! Participou na entusiástica prova cega dos Syrah portugueses em Outubro de 2015 promovida em conjunto pelo Blogue do Syrah e os Cegos por Provas, onde em vinte e seis Syrah a concurso ficou brilhantemente em oitavo lugar! Era o único Syrah a concurso que ainda não estava no mercado! O oitavo lugar obtido provava bem as suas potencialidades! Uma semana antes da prova cega, o Blogue do Syrah, juntamente com alguns elementos dos Cegos por Provas e Tiago Paulo da Garrafeira Estado d´Alma tinham degustado este Syrah num final de tarde bem apelativo que nos deixou bem impressionados. Na prova cega também degustamos pela segunda vez este Syrah e contribuímos para o positivo resultado alcançado. Na altura faltava tratar dos rótulos. A indicação era que sairia pouco depois , ou seja, ainda em 2015, ou o mais tardar nos princípios de 2016! Ora o tempo foi passando e o Syrah da Quinta dos Plátanos nunca mais saía…Até agora! Muitas turbulências depois, aí está ele a ver a luz do dia na ponta final de 2018!

Este Syrah estagiou em barricas de carvalho francês e tem uma graduação alcoólica de 14,5%! Foram lançadas 1300 garrafas!

A Quinta dos Plátanos insere-se na Região Vitivinícola de Lisboa, com Denominação de Origem de Alenquer.
Cabeça de um vinculo instituído no século  XVII mantém-se desde então na família que sempre se dedicou à vitivinicultura. Uma das Quintas mais antigas do concelho de Alenquer, pertence, à freguesia de Aldeia Galega da Merceana. Pergaminhos não faltam e são de exaltar.

Mesmo assim, apesar de toda esta longa e rica história, a vocação desta quinta tem sido a de fazer vinho a granel, aliás como era apanágio destas quintas de Alenquer e arredores de Lisboa. Muita da produção vinícola da quinta é embalada e despachada em caixas, com torneirinha, de cinco litros. Será que foi isso que aconteceu, ou seja, que o nosso tão desejado Syrah, que só daria para umas duas mil garrafas, foi aproveitado para vinhos de corte, embalado em boxes de cinco litros?

Mostra ainda capacidade de maior evolução, mas o preço a roçar os vinte euros é algo exagerado! Vamos ver o que o mercado diz finalmente sobre este Syrah e as suas capacidades!

O médico Robert Noecker escreveu: “O meu único arrependimento na vida, foi não ter tomado bastante champagne.” Que não possamos dizer o mesmo ao Syrah e nomeadamente aos mais difíceis de aparecerem no mercado como foi o caso deste Quinta dos Plátanos 2013!

 

Classificação: 17/20                                                     Preço: 18,95€

 

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.